Governo Municipal realizou palestras no 1º Fotografia em Foco

O Governo Municipal de Júlio de Castilhos através da Casa da Cultura Francisco Salles, Centro Cultural Álvaro Pinto e Setor de Projetos, realizou nos dias 14 e 15 de agosto o “1º Fotografia em Foco”.

A primeira noite, contou com a presença da Fotógrafa Karla Spall que abordou sobre Book Rural e o fotógrafo Raul Schram mostrou o seu trabalho de fotos em eventos e filmagens.

Já na noite de quarta-feira,15, o evento contou com a presença de Castilhenses, o Fotógrafo e Historiador Firmino Costa e a Fotógrafa Daniela Mundstock, dois profissionais incríveis com histórias e visão diferente em relação a fotografia. A noite foi de muita emoção por ser apresentado dois extremos e ambos com o mesmo amor e paixão pela fotografia.

Estes dois encontros tinham como propósito, apresentar um pouco mais sobre a arte de fotografar e dar dicas para aqueles que gostam de fotografia.

O último dia de evento é nesta quinta-feira,16, com a exibição do filme “Repórteres de Guerra”, que aborda a difícil tarefa de cobrir as primeiras eleições na África do Sul após o Apartheid, mostrando a dificuldade de registrar certos momentos.O filme não é recomendado para menores de 16 anos.

\

Read More

Escola Visconde de Mauá completa 60 anos e realiza ato de nomeação da biblioteca

Neste dia 15 de agosto a Escola Municipal Fundamental Visconde de Mauá, completou 60 anos de existência. Escola esta que teve como primeira diretora a professora Lourdes Licht Moreira, pessoa comprometida com a tarefa de ensinar e visionária para o futuro deste educandário.

As instituições de ensino são responsáveis pelo desenvolvimento intelectual de quem futuramente intervirá no cotidiano social, e tem a biblioteca escolar como mais um suporte imprescindível ao ensino/aprendizagem dos estudantes de todos os níveis de escolaridade. Pensando desta forma que a atual direção da escola, realizou na tarde desta quarta-feira,15, o ato de nomeação da Biblioteca que agora denomina-se “Biblioteca Lourdes Licht Moreira” em homenagem a primeira Diretora da escola.

O ato ocorreu na Biblioteca da Escola Municipal Fundamental Visconde de Mauá e contou com a presença do Prefeito João Vestena, Secretária Municipal de Educação-Rosemari Montagner Casarin, Secretário Municipal da Fazenda-Antonio Golçalves Bezerra, Procurador Jurídico-Osni Cardoso, Diretora da Escola-Juliana Messerschmidt, Diretora da Biblioteca Pública Municipal Francisco Salles e Coordenadora do Museu Vila Rica-Rosane Padilha, Equipe Pedagógica da SMEd, Professores, Servidores e Presidentes de Conselhos.

Na oportunidade a Diretora, Secretária de Educação e Prefeito destacaram e importância da comemoração do aniversário da escola, bem como o papel fundamental que ela tem naquela comunidade. Quem também falou e destacou a importância da Biblioteca foi a Professora Gilmara Fioravante, ela que está há anos frente a biblioteca da escola.

Ainda no ato, a Diretora da Biblioteca Pública Municipal Francisco Salles entregou para a Diretora e pra Bibliotecária livros infanto juvenil e álbuns de fotos da homenageada Professora Lourdes Licht Moreira.

Após os presentes cantaram os parabéns para escola e saborearam um delicioso bolo de aniversário da Escola Visconde de Mauá.

\

Read More

Realizada a primeira reunião dos Festejos Farroupilha

Na tarde de quarta-feira,15, ocorreu no Centro Cultural Álvaro Pinto uma reunião com o Prefeito, Casa de Cultura, Inspeção Veterinária e Entidades Tradicionalistas para tratarem dos Festejos Farroupilhas 2018 que neste ano tem como tema “Tropeirismo”.

Na oportunidade foi tratado sobre a Chama Crioula, Desfile Farroupilha e também foram passadas as orientações da Inspetoria de Defesa Agropecuária, onde o Zootecnista e Médico Veterinário explicaram os procedimentos que deverão ser feitos junto a inspetoria para os cavalos poderem desfilar no dia 20 de setembro e também durante a semana farroupilha.

Neste ano contaremos com um grande número de Entidades Tradicionalistas participando dos Festejos Farroupilhas 2018.

Mais informações sobre os Festejos com o Centro Cultural pelo telefone 3217-2506

Informações sobre orientações da Inspetoria veterinária pelo telefone 3271-1429

\

Read More

Novos Membros do COMPHAC são empossados nesta terça-feira

No início da tarde desta terça-feira,14, ocorreu no Gabinete do Prefeito a Cerimônia de Posse dos novos membros do Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Artístico e Cultural de Júlio de Castilhos

De acordo com a Portaria 492/2018 o Prefeito João Vestena deu posse aos novos membros do Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Artístico e Cultural de Júlio de Castilhos, instituído pela Lei nº 1.761, de 15 de setembro de 1999 e de acordo com as alterações Lei nº 2.504 de 28 de março de 2007 e 2.811 de 24 de novembro de 2010.

O Conselho é formado pelos seguintes membros:

Área de Cultura: Marli d’Ávila Alberto;

Artes: Luziléia Machado Sobiesiak;

ACCIJUC: Nei Langaro;

Biologia: Ivanir Londero;

Entidades Comunitárias: Luis Antonio Rosa de Mello;

Entidades de Economia: André Batistella Pacheco;

História: Fátima Aparecida de Quadros Reolon;

Letras: Amália Inês Franciscatto Pereira;

Movimento Estudantil: Flávio Henrique dos Santos;

OAB Subseção Júlio de Castilhos: Rubiano Silva da Silva;

Órgãos Não Governamentais: Valmecir Zen;

Secretaria Municipal de Agricultura, Turismo e Meio Ambiente: Robson Mello da Silva;

Secretaria Municipal de Assistência Social e Habitação: Ana Marcia Facco e Josana Rocha Santos;

Secretaria Municipal de Educação: Fatima Elaine Silva Santos;

Secretaria Municipal de Obras, Serviços Públicos e Trânsito: Jorge Luiz da Silva Gato;

Secretaria Municipal de Saúde: Neusa de Fátima da Silva Scariot

Na mesma ocasião foi formada a mesa diretiva do Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Artístico e Cultural de Júlio de Castilhos.

Presidente: Rubiano Silva da Silva

Vice-Presidente: Luis Antonio Rosa de Mello

Secretária: Fatima Elaine Silva Santos

Este conselho tem como objetivo proteger e preservaro patrimônio histórico, artístico, arqueológico, arquitetônico, ecológico, paisagístico, turístico e documental do município de Júlio de Castilhos. O COMPHAC é um órgão de cooperação governamental, com a finalidade de auxiliar a Administração na orientação, planejamento, interpretação e julgamento de matéria de sua competência.

Para saber mais sobre o COMPHAC acesse a Lei nº 2.811  http://179.106.88.109/arquivos/arquivos/Leis/2010/2.811-2010%20-%20com%20altera%C3%A7%C3%B5es%20da%20Lei%202881-11%20COMPAHC.pdf

\

Read More

Júlio de Castilhos em evidência na Região Central

Na manhã de 14 de agosto ocorreu em Santa Maria a Reunião na AM Centro, direcionada aos Secretários Municipais de Assistência Social da Região Centro do Estado, onde esteve presente a Secretária Municipal de Assistência Social e Habitação Denise Zulian.

Na oportunidade o Servidor Público Municipal de Júlio de Castilhos, Everaldo Brum Repetto, que é Multiplicador Estadual do Programa Cadastro Único, palestrou sobre este programa esclarecendo dúvidas, uma vez que este sistema passou por um processo de atualização.

\

Read More

Estão abertas as inscrições para o Concurso Público Municipal

A Prefeitura de Júlio de Castilhos realizará mais um Concurso Público, para saber os cargos,salários e muito mais, confira o edital 

http://179.106.88.109/arquivos/index.php?p=arquivos/Concurso%20Publico/CONCURSO%2001-2018

\

Read More

Lei Maria da Penha Completa 12 Anos

[et_pb_section admin_label=”section”] [et_pb_row admin_label=”row”] [et_pb_column type=”4_4″] [et_pb_text admin_label=”Text”] Criada em 07 de agosto de 2006, a Lei 11.340/06, conhecida como Lei Maria da Penha, foi um marco fundamental para mudar o conceito de violência doméstica. Os crimes cometidos contra a mulher deixaram de ser casos de cesta básica ou de mera multa, já que, antes da lei, a violência contra mulher era considerada crime de “menor potencial ofensivo”. A lei Maria da Penha trouxe punições mais severas e dentre os principais avanços, estão as medidas de proteção como a determinação de afastamento do lar e proibição de aproximação por quaisquer meios de comunicação.

Maria da Penha Maia Fernandes, é uma cearense que foi torturada e violentada pelo marido por pelo menos 20 anos, tendo, inclusive, sofrido duas tentativas de assassinato. Luta até os dias de hoje pelo fim da violência doméstica contra mulheres, portanto leva seu nome na Lei criada há 12 anos.

De acordo com Art. 7º da Lei Maria da Penha, são formas de violência doméstica e familiar contra a mulher: a violência física, ou seja, atitude que ofenda sua integridade ou saúde corporal; violência psicológica, entendida como algo que lhe cause dano emocional e diminuição da autoestima ou que lhe prejudique e perturbe; violência sexual, isto é, qualquer conduta que a constranja a presenciar, manter ou a participar de relação sexual não desejada; violência patrimonial, que configure retenção, subtração, destruição parcial ou total de seus objetos; e a violência moral, com calúnia, difamação ou injúria. Esta Lei veio para dar respaldo e amenizar a situação em que se encontra a mulher vitimizada, a fim de romper o ciclo de violência.

Em caso de violência, a mulher deve buscar apoio imediato nos órgãos competentes, como na Brigada Militar, que irá lavrar um Boletim de Ocorrência (BO), e o juiz competente aplicará as medidas protetivas de urgência contra o agressor ou medidas protetivas à ofendida. As mulheres também podem fazer denúncias através do Disque 100 e da Central de Atendimento à Mulher – Ligue 180. Estes serviços são de utilidade pública, gratuitos e confidenciais.

Em Júlio de Castilhos, a mulher vítima de violência pode procurar o Centro de referência Especializado de Assistência Social – CREAS, onde receberá todo apoio e encaminhamentos necessários, bem como o atendimento social e psicológico para a ofendida e seus filhos.


[/et_pb_text] [/et_pb_column] [/et_pb_row] [/et_pb_section]\

Read More